A Casa da Floresta – Marion Zimmer Bradley

Vinte anos após a Rainha Boudica lutar contra os Romanos, as sacerdotisas podem viver em paz na Casa da Floresta. A Britânia está relativamente pacífica, mas as tribos ainda lembram os crimes cometidos pelos Romanos contra as sacerdotisas e a rebelião liderada por Boudica. Os frutos das violações já se tornaram adultos.

a-casa

O livro se passa após Os Corvos de Avalon (resenha aqui), porém foi escrito antes e pela Marion (Os Corvos de Avalon foi escrito pela Diana Paxson). Algumas informações são diferentes em ambos os livros, mas não é nada muito relevante.

Lhiannon e Ardanos criam A Casa da Floresta, em um acordo com os Romanos, para que as sacerdotisas possam viver em paz. Mas muitas coisas mudaram, Ardanos mudou tanto que ficou irreconhecível. Após todo o trauma da luta em Mona, ele se rendeu aos Romanos e impôs certas leis para as sacerdotisas, para elas ficarem mais parecidas com sacerdotisas Romanas (Vestais). Leis que impuseram muitas restrições às vidas das mulheres, e que virarão verdade conforme os mais velhos forem morrendo e não houver ninguém para lembrar como era a vida no passado. Eu achei bem triste o destino de Lhiannon e Ardanos.

“A própria sobrevivência da Casa da Floresta dependia da manutenção do mito da sua pureza”

Novas meninas entram na Casa da Floresta, algumas por vontade, outras por imposição, mas mais tarde todas viraram sacerdotisas por livre escolha.

“Qualquer das meninas lhes serviria muito bem, disse para si próprio, pois nenhuma delas se consideraria completamente segura no seu lugar. Se a Grã Sacerdotisa precisasse do apoio dos sacerdotes faria o que lhe mandassem” Ardanos. 

Existe conexão entre vidas dos personagens desse livro e vidas passadas, vidas da época de A Queda de Avalon! Fiquei super surpresa quando vi tão explícito isso, porque estou sempre procurando por essas conexões.

A vida Romana é apresentada como não foi em nenhum dos outros livros, seja nas províncias ou na própria Roma, e também a política por trás das decisões. Casamentos por status, de ambos, homem e mulher. No caso do homem, o poder do sogro o ajuda a subir na vida. No caso da mulher é mais triste: qual o papel de uma mulher Romana da alta sociedade? Casar com um homem que seja uma boa aliança e dar um filho homem para ele, e obviamente ser culpada caso nasça uma menina.

A chegada do cristianismo também é ilustrada na história.

A relação entre Romanos e Bretões é muito explorada, como para cada um dos lados, o outro lado é horrível. Para os Romanos, os Bretões não são civilizados. Para os Bretões, todos os Romanos são monstros. O livro mostra como muda essa visão após acidentalmente eles terem contato mais próximo.

Nesse livro, uma nova Grã-Sacerdotisa é escolhida, mas acaba ficando nas mãos de Ardanos da mesma forma que Lhiannon ficou.

Por alguns momentos fiquei furiosa! Os personagens são orgulhosos e não se comunicam com sinceridade, acabam afundando a própria vida. Por exemplo: “Já que o fulano não veio me ver quando acabou meu tempo de servir na Casa da Floresta, vou virar sacerdotisa, sou muito orgulhosa para ir procurar ele”. Nããão, gente, não. Daí você vê um monte de personagem levando uma vida infeliz porque não foi capaz de falar com o outro, e a vida seguiu.

Gostei bastante do livro e recomendo. Gostei de ver o lado dos Romanos ser contado também, e como uma religião (cristianismo) muito diferente das tradicionais ganhou terreno.

Esse é o quarto livro (publicado no Brasil) da série Ciclo de Avalon. Os primeiros foram A Queda de Atlântida (resenha aqui), Os Ancestrais de Avalon (resenha aqui), Os Corvos de Avalon (resenha aqui). As Brumas de Avalon são os últimos, mas li primeiro (resenha aqui).

Se quiser comprar qualquer dos livros: Amazon

Anúncios

8 comentários sobre “A Casa da Floresta – Marion Zimmer Bradley

  1. Pingback: Os Corvos de Avalon – Diana L. Paxson – Oh my livros!

  2. Pingback: A Senhora de Avalon – Marion Zimmer Bradley – Oh my livros!

  3. Pingback: Retrospectiva 2016 – Oh my livros!

  4. Pingback: Metas de leitura para 2017 – Oh my livros!

  5. Pingback: As Brumas de Avalon – Marion Zimmer Bradley – Oh my livros!

  6. Pingback: A Sacerdotisa de Avalon – Marion Zimmer Bradley – Oh my livros!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s